Arcanos de Número 2 na esfera pessoal e afetiva.

Os Arcanos Menores de Número 2 (2 de paus, de ouros, de espadas ou de copas) simbolizam aqueles obstáculos que travam o impulso numa determinada direção.

Sabe quando você começa alguma atividade e logo ocorre uma interrupção? E você é obrigado a parar o primeiro movimento para lidar com as demandas da nova exigência que surgiu?

Isso é um saco, né? Irrita a gente. Trava o processo. Pode, inclusive, nos levar a abandonar uma situação, porque nos dispersamos da mesma ao ter de lidar com outra – ou outras.

O interessante é ver essa dinâmica nos relacionamentos amorosos.


 Há o casal analisado no Templo de Afrodite. *    E quando sai um Arcano Número 2 para um deles, pode saber, muito provavelmente essa pessoa está interessada em outra. Ou mesmo é amante desta que formam o par analisado.

Sabe quando o cara tem de resolver as pendências com a esposa para poder ficar com a amante? Tornar a amante “a oficial”?

Pois é… é um exemplo dos Arcanos 2 na esfera afetiva. E o que costuma ocorrer?

O camarada diz que irá resolver essa situção com a esposa. Promete à amante que só falta lidar com uma determinada pendência (o filho deles entrar na escola, melhorar a saúde, fechar um contrato, etc.) e, aí sim, poderá assumir publicamente a relação com ela.

E aí, o que costuma ocorrer? O cara acaba mantendo a esposa, enrolando a amante e se dispersa do objetivo inicial de terminar o casamento para ficar com “a outra.”

Isso é a cara dos Arcanos de Número 2. Por isso que quando uma dessas Cartas surge no Templo de Afrodite há o indício de que há obstáculos, pendências, detalhes a serem resolvidos com uma terceira pessoa para poder ficar com a pessoa em questão (analisada no jogo de Tarot). Daí também sua associação com o triângulo amoroso.

Obs.: pode ser também que o camarada precise mesmo resolver alguma questão profissional ou exigência familiar (com os pais, por exemplo), ou fazer algum curso fora, ou viajar, para aí sim poder se dedicar de corpo e alma à pessoa que forma o par analisado no Templo de Afrodite.

* Se quer saber mais sobre o Método para analisar relações amorosas ou interesses afetivos, ou seja, o Templo de Afrodite, basta clicar aqui:
http://yub-tarot.blogspot.com.br/2010/09/como-jogar-o-metodo-templo-de-afrodite.html

Beijãozão nocês…
Yub

Arcanos Menores de Número 2: as picuinhas!

Impressionante como os Arcanos Menores de Número 2, independente do Naipe, simbolizam aquelas picuinhas do dia-a-dia. Sabe aqueles detalhes chatos que demandam ajustes, resoluções, acordos e atenção? E que precisam ser observados e resolvidos para superar algum possível obstáculo? São esses Arcanos simbolizados pelo 2.
Na grande maioria das vezes, não são GRAAANDES obstáculos. São pequenos. São pequenas chatices, detalhezinhos. E a resolução dos mesmos gera uma maior harmonia, paz de espírito, entendimento e entusiasmo.

Creio que o 2 de Copas seja a picuinha mais agradável de todas. Porque você as conserta com generosidade, compreensão e sensibilidade. Resolve de forma afetiva, carinhosa e amorosa. E isso gera uma maior satisfação interna (por ter conseguido resolver um detalhezinho) e uma relação mais harmoniosa, nutritiva (quando o detalhezinho a ser resolvido envolvia outra pessoa).

O 2 de Ouros já envolve um detalhezinho prático. Alguma questão burocrática, financeira ou material, como informar os dados de sua conta bancária para uma pessoa que anotara errado da primeira vez. Mas gera uma satisfação física, profissional e financeira ao ser resolvida. Pode, inclusive, proporcionar um retorno financeiro maior do que inicialmente planejara – ou um acordo contratual para um intercâmbio profissional ainda mais significativo do que vislumbrara no começo.

O 2 de Paus me faz lembrar a corrida dos 100 m com barreira. Veja:

Ou seja, no 2 de Paus, você está no pique, empolgado com o movimento inicial no rumo da expansão e conquista criativa e confiante do que almeja. E aí surge um obstáculo à sua frente. Ao pulá-lo, ao vencê-lo, você ganha um novo ânimo para continuar em frente, agora mais confiante por ter superado uma barreira ao seu ímpeto criativo e expansivo. E um horizonte mais amplo lhe é apresentado.

O 2 de Espadas é o mais desafiante de todos. Envolve um obstáculo bem chato, o qual você, muitas vezes, prefere nem ver. Na verdade, você quer evitá-lo. Porque sabemos que tanto o nosso ponto de vista quanto o ponto de vista do outro tem sentido, é correto, é justificável. Mas para evitar o confronto, o conflito e a possibilidade de reconhecermos nossa parcela de equívoco e limitação, acabamos querendo deixar tudo como está e nem tocar no assunto. 
Talvez por essa fuga, essa recusa a lidar objetiva e francamente com essa divergência, essa picuinha que incomoda, o 2 de Espadas é associado a obstáculos que, muitas vezes, tomarão uma proporção maior e se tornarão uma efetiva barreira que nos impedirá de resolver essa pendência, esse conflito.
Obs.: Num Mandala de uma cliente, o 2 de Espadas saiu na Casa 7 (relacionado ao outro, à relação, acordo e parceria com o outro). E ela não tinha gostado de uma atitude de sua terapeuta. Mas, ao invés de abrir o jogo e dialogar com a terapeuta sobre o que a incomodara, preferiu faltar a várias sessões. E acabou não voltando mais à terapia.  
As picuinhas fazem parte da vida. E os Arcanos de Número 2 estão aí, para representá-las. 
Beijãozão nocês…
Yub