Signo de Virgem e a importância dos rituais!

Hoje de manhã, durante o café, eu e a Cris tivemos um papo sensacional sobre a importância dos rituais. O quanto por meio de um ritual temos a oportunidade de sintonizar com Deus (com o Sagrado, com o Transcendente).
E um ritual, para não se tornar uma mera formalidade, precisa do emprego de nossa consciência ao executá-lo. Minhas meditações diárias representam um tempo do meu dia que tiro para essa sintonia com o Transcendente/Imanente.
Porém, se fico ali apenas sentado de corpo presente, mas com a mente divagando em incontáveis pensamentos, com um levando a outro, a outro, a outro, sem eu nem perceber esse processo, aquela meditação foi uma mera formalidade. Foi um ato totalmente burocrático.
Terminei ontem a leitura de O Poder do Mito, do Joseph Campbell. UAU… fenonemal! E é uma aula sobre a importância dos rituais. Como estamos na lunação de Virgem, vale a pena nós nos inteirarmos melhor sobre os nossos rituais diários.
Veja o que Campbell escreveu:

“O tema básico do ritual é a vinculação do indivíduo a uma estrutura morfológica maior que a seu próprio corpo físico.
Esta é a ideia básica – através do ritual, atinge-se aquela dimensão que transcende a temporalidade, aquela dimensão da qual a vida provém e para o qual retorna.
Os mitos servem para nos conduzir a um tipo de consciência que é espiritual.
O mito fornece um canal de comunicação com o mistério que você é.
O ritual é o cumprimento de um mito. Ao participar de um ritual, você participa de um mito.”

Gosto de observar a vida sob os princípios astrológicos. Ontem mesmo escrevi sobre a questão da mediunidade desequilibrada e a causa no modo como estamos lidando com o corpo físico (ou seja, é a pura complementação do eixo Virgem-Peixes).
E o ritual – um ato bem virginiano – é a porta de acesso ao transcendente, ao espiritual, à Fonte, ao Mistério, a Deus (Peixes).
Cada dia que passa mais comprovo que a Astrologia é formada por eixos: Áries-Libra, Touro-Escorpião …. Virgem-Peixes. O mesmo com as Casas: Casa 6 – Casa 12.
E como o próprio Campbell disse, através do ritual (Casa 6) nós atingimos aquela dimensão transcendente (Casa 12). E olha que Campbell sabia do que falava, porque você já viu o Mapa dele? Veja:
Joseph Campbell
Viu? Ele tinha o eixo nodal em Peixes (Nodo Sul) e Virgem (Nodo Norte). 😉
Beijãozão nocês…
Yub 
Be Sociable, Share!

About YubMiranda

Sou Astrólogo, Numerólogo e Tarólogo. Formado em Filosofia pela PUC/MG (1996-1999) Simbologista e pesquisador da Psicologia Analítica (psicologia junguiana).

2 comments on “Signo de Virgem e a importância dos rituais!

  1. Nossa! Eu lendo seu artigo e achando muito interessante, pois também sou pisciana e tem tudo a ver o que vc escreve. Pra variar não prestei atenção no seu nome logo no inicio do Post e achando que quem estava escrevendo era uma mulher, rsrs (desculpe o comentário, acho que tem muita sensibilidade e consegue captar a essência do signo como ele é). Adorei o blog, tem muito a ver comigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

For spam filtering purposes, please copy the number 3678 to the field below: