Deepak Chopra X Eckhart Tolle – e a Co-criação.

Eckart Tolle e Deepak Chopra. Sou fã dos dois. Aprendo muito com os ensinamentos e, principalmente, com as técnicas de ambos.
Porém, tenho uma predileção pelo Deepak Chopra. Porque no processo de co-criação (ou seja, de criar conscientemente sua realidade), eu creio que me identifico mais com seu estilo.
Creio que o estilo de Tolle é bem yin. Apenas esteja presente. As técnicas são simplesmente de receptividade e abertura para o poder do agora. E isso basta.  
Já Chopra parece ter um estilo tanto yin quanto yang. Ou seja, tem suas técnicas para estar presente no momento presente. E não pára por aí. Ele também ensina estratégias para aproveitarmos esse estado de consciência para incidir nossa vontade (yang). 
É como se o Eckart Tolle se preocupasse apenas com a criação de um terreno fértil. Basta estar nesse estado fértil de consciência. O que vier, veio. O que acontecer, será bem recebido, conscientemente. Tudo é aceito com essa receptividade yin. 
E Deepak Chora parece se preocupar não apenas com a criação de um terreno fértil. Ele também nos incentiva a plantar determinadas sementes nesse solo. Tais sementes são os desejos do que queremos co-criar. 
Então, Chopra quer aproveitar esse estado de presença ao jogar sementes que poderão ser desenvolvidas nesse solo fértil. E Tolle não. Se algo tiver de ser desenvolvido nesse terreno fértil, assim será. Para Tolle, parece que não precisamos plantar nenhuma semente específica. 
Por isso tendo a me identificar mais com Deepak Chopra. Porque temos condições de aproveitar essa fertilidade da consciência do momento presente. 
Muitos podem dizer que essas sementes são sementes do ego: desejos do que o ego quer ter, obter, conquistar e experimentar na vida. E eu não discodarei não. Apenas questionarei: que mal há nisso? É pecado agir assim? Pelo menos o ego estará atuando em condições “sélficas”, num terreno fértil repleto de consciência por estar presente no agora…
Beijãozão nocês…
Yub

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *