fbpx

Perguntas sobre aprovação em concursos e o Tarot mostrando o POTENCIAL de realização.

Ontem, na troca de emails com uma cliente sobre seu mandala, ela me perguntou se passaria num concurso público.

Eu costumo ver no Mandala as Casas 3 e 9 como indicadoras de concurso. Por quê?

Porque a 3 fala de estudos. A 9 – além de estudos – por estar associada a leis, tem também associação com questões legais. Junta estudos e questões legais, temos aí os concursos. Afinal, os concursos são de ordem pública.  Possuem uma vinculação direta com as normas e princípios promulgados pela legislação governamental. 

Uma comparação entre os pares de Arcanos dessas Casas com as Casas que estão vinculadas ao trabalho e profissão (Casas 2, 6 e 10), você tem uma visão bem exata das perspectivas profissionais da pessoa quanto ao concurso público.

Obs.: isso para o caso da pessoa NÃO querer um jogo específico para a pergunta voltada para a aprovação no concurso. Um Pèladan daria conta dessa resposta.

Então, ao conversar com essa cliente ontem, estava lá na Casa 3 o par Temperança / 6 de Paus. A Temperança retrata a necessidade de paciência para se esperar o momento certo de uma harmonização. O 6 de Paus retrata vitória, conquista, sucesso.

Portanto, lhe disse que ela seria aprovada (6 de Paus) num concurso que fez e/ou que fará nos próximos meses, APÓS (Temperança) os três meses de validade do Mandala. Porque A Temperança costuma mostrar a realização de algo DEPOIS do prazo do Mandala ou do incluído numa pergunta ao Pèladan, por exemplo.

E fiz questão de ressaltar! CONTINUE ESTUDANDO e se dedicando a aprender as matérias sobre as quais está mergulhando. Porque o Tarot mostra um POTENCIAL. Não ache que só porque disse que passará, você passará. Precisa estudar, continuar no ritmo em que se encontra. Esse POTENCIAL de aprovação no concurso só terá condições de se MATERIALIZAR se você continuar estudando.

Até me lembrei da época em que comecei a jogar o Tarot. Só fazia para amigos. E uma amiga – solteira na época – saiu com a Imperatriz (muitas oportunidades de prazer, satisfação e crescimento) na Casa 7 (dos relacionamentos). Eu lhe disse que nos três meses de validade do Mandala, ela teria oportunidade de conhecer vários caras (A Imperatriz representa fertilidade, frutificação) e poderia ter um relacionamento (Casa 7) prazeroso (Imperatriz) com um deles.

Ao final deste período, ela veio reclamar comigo que não estava namorando. E que eu tinha visto no Tarot que ela iria conhecer um cara e iniciar um relacionamento prazeroso. Então, eu fui lhe apertando com diversas perguntas. Até que ela me confessou que quase não saiu de casa neste período. Ela, acostumada a ir em muitas festas, bares e danceterias, se trancou em seu mundo doméstico.

Ou seja, o MEDO de SOFRER por AMOR entrou em cena quando ela ouviu de mim que iria conhecer alguém e iniciar um relacionamento. E fugiu dessa possibilidade, trancando-se em seu mundinho fechado.

Eis um exemplo do POTENCIAL presente no Tarot. Não tem esse fatalismo todo que muitos apregoam por aí. Se a gente não faz nossa parte para APROVEITAR o que há de POTENCIAL mostrado pelas Cartas, fica difícil, né?

Beijãozão nocês…
Yub

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.