Reflexão sobre os Planetas Retrógrados no Mapa Natal

Esse MAPA NATAL aí é do carrasco da seleção brasileira Lionel Messi. 24/06/1987, às 6h, em Rosário/Argentina. Ele nos servirá de exemplo para a reflexão a respeito dos Planetas Retrógrados.

Esta teve seu estopim quando me perguntaram no formspring:
Tenho marte retrógrado em câncer. é praticamente um parto eu ter vontade de fazer algo. Como iniciar algo com essa posição??

Eu respondi:
Aceitando e não evitando o processo de gestação que envolve o inicio de cada projeto ou meta a realizar.

Quando eu assinei contrato com o Personare para fazer parceria com o pessoal, Marte estava retrogrado em Câncer. Sei bem como é o parto para cumprir cada meta (novo produto de Numerologia).

Portanto, temos de aprender a ter paciência e persistência (Retrógrado) no cumprimento de cada meta e projeto (Marte). 

Parece que há uma grande resistência (inércia) a sair do travamento que o Planeta Retrógrado representa. Porque sabemos o trabalho que dará fazer, refazer, fazer, refazer, enfim, tudo quanto é (re) que ele simboliza.

Ao mesmo tempo, tenho notado que um astro em retrogradação no Mapa Natal tende a ser vivido por nós de uma forma compulsiva. Parece que viver os assuntos da Casa Astral em que ele se encontra e expressar as caracterísicas do Signo em que o Planeta Retrógrado está é algo que constantemente nos cutuca, nos chamando a atenção. E nós gastamos MUITO do nosso tempo e energia â vivência do mesmo. Porque temos MUITO a aprimorar/melhorar (retrógrado) na expressão do que esse astro retrógrado simboliza.

Tenho Saturno Natal Retrógrado – em Gêmeos e na Casa 3. E TENHO de escrever TODO SANTO DIA!!! Eu fazia isso durante os meus primeiros 29 anos APENAS PARA MIM (eis a introversão do Planeta Retrógrado?). Eu sempre conversei muito (Gêmeos) comigo mesmo (Retrógrado). E vivi quase num mutismo externo nesses mesmos 29 anos.

Depois passei a escrever (Gêmeos/Casa 3) em diários e em cadernos o que estudava, lia, conjecturava (Gêmeos/Casa 3). Tenho trocentos cadernos. Tenho diversos diários.E há algum tempo venho escrevendo “PARA FORA”. Na verdade, depois de meus 29 anos, passei a dar aulas particulares de numerologia e de astrologia. Com a descoberta da internet, passei a ministrar cursos virtuais – e também a participar assiduamente em listas de discussão do yahoogrupos. Eu TINHA de escrever todos os dias. E não abandonei os diários e os cadernos.

Quando me aventurei a querer publicar meus contos de suspense, os dois que escrevi foram publicados em dois livros. Fizeram parte de uma série de contos em cada exemplar: BECO DO CRIME e ASSASSINOS S.A.

Daí passei a escrever romances policiais. Os dois primeiros foram uma porcaria. Terminei na metade. Joguei fora. E agora estou escrevendo meu terceiro primeiro romance policial. Desde o início do ano que tenho escrito. E, claro, continuando com os produtos de numerologia para o personare e o conteúdo para os blogs de astrologia, de numerologia e de tarot. Ou seja, é uma compulsão. Se eu não escrevo, eu não me sinto bem. Há um vazio em mim, uma insatisfação de alma. Se eu escrevo, liberto o peso (saturno?) que paira em minha mente e em minhas mãos (Gêmeos) DIARIAMENTE (planeta retrógrado).

Obs.: eu tinha alergia nas mãos durante ANOS. E fiz diversos tratamentos. Nada resolvia… Até que comecei a me tratar com homeopatia. E na mesma época, passei a escrever bastante PARA FORA. Ou seja, compartilhar para mais pessoas o que eu escrevia, como através dos blogs, livros, etc. E a alergia… SUMIU!!

Obs.2: eu sei quando estou resistindo a escrever – o livro, algum conto, adiando a escrita de um produto de numerologia (e afunilando o prazo de entrega para a equipe de edição do personare). A alergia volta. rsrs Aí, é só abandonar a resistência e voltar a escrever para ela sumir novamente…rsrs

Ao assinar o contrato com o Personare quando Marte estava em movimento retrógrado, pude perceber outro detalhe da dinâmica dos PLANETAS RETRÓGRADOS. Sabe qual é?

Planetas Retrógrados pedem humanitarismo e não egoísmo. Temos de expressar aqueles atributos do signo/casa desse astro para ajudar de alguma forma mais pessoas e não sermos movidos para o nosso prazer exclusivo e egóico.

No caso da pessoa que me perguntou sobre Marte Retrógrado em Câncer, eu lhe disse: Se suas metas (Marte) beneficiarem muitas pessoas e não apenas a si mesmo, sua motivação e energia (Marte) serão muito melhores e não se deparará com tantos bloqueios e obstáculos (retrogrado).

Eu percebo esse cunho humanitário me ajudando demais da conta na escrita (gêmeos/casa 3) obrigatória (satruno) e compulsiva/exigente (retrógrado) nos blogs e nos produtos de numerologia do personare. As metas (marte) que procuro gestar (câncer) para realizar com os produtos são para ajudar o maior número possível de pessoas (retrógrado): leitores do site.

Vejo o quanto fica MENOS DIFICULTOSO expressar as características do signo do PLANETA RETRÓGADO quando somos movidos por esse humanitarismo.

E onde Messi entra nessa história?

Ele tem o REGENTE do ASCENDENTE (em Gêmeos) retrógrado!! Sim, Mercúrio dele está retrógrado em Câncer. E como tem esse significativo detalhe da regência do Ascendente, ele ganha importância maior ainda.

A cobrança a todo dia fazer de sua vida (Ascendente) algo humanitário (retrógrado) é imensa. E olha o bem que ele faz a tanta gente com as suas habilidades futebolísticas!! Ele é o MELHOR do mundo. E nos encanta com sua arte. Crianças e adultos – apreciadores do futebol bem jogado – são beneficiados pelo encantamento das jogadas magistrais de MESSI.

Beijãozão nocês…
Yub

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *