Transformando suor em ouro: A conjunção Sol-Plutão em Virgem de Bernardinho

Enquanto ando os primeiros trinta minutos na esteira para poder correr depois, eu quase sempre leio os trechos grifados de certos livros. Especialmente estes motivacionais, como o do Bernardinho.

Porém, ontem ele me chamou mais a atenção. Porque vi claramente no Mapa Natal do treinador os símbolos que formam o título deste seu livro.

Transformando suor em ouro.

Transformar é obra de Plutão. E Plutão tem o apelido de o Senhor das Riquezas. É o deus do mundo subterrâneo, o qual, se escavado, nos leva a descobrir “petróleo” (riqueza). É o astro que nos incita a lidar com crises, renascer e descobrir nossas riquezas interiores nesse processo.

Suor é a cara dos Signos de Terra (Touro, Virgem e Capricórnio), por trabalharem tanto para conquistarem a tão sonhada estabilidade e segurança material.

Bernardinho tem o Sol em Virgem em conjunção com Plutão. Na verdade, ele tem um stellium em Virgem. Veja:

É um obcecado (Plutão) por detalhes (Virgem). É um trabalhador incansável (Virgem em excesso). É um fã dos treinos (preparar para constantemente se aperfeiçoar = Virgem).

Virgem – regido por Mercúrio – é hábil com as mãos. Tem talento por meio das habilidades manuais. E o vôlei tem como ferramenta explícita de trabalho… as mãos!!

O interessante é ver Vênus (mulher no mapa de homem heterossexual) em Virgem. Bernardinho se casou com duas mulheres jogadoras de vôlei. Ele valoriza (Vênus) a mulher (Vênus) que sabe usar as mãos de forma inteligente e versátil (Virgem).

E o título do livro é visto assim numa leitura astrológica:

Transformando (Plutão) suor (Virgem) em ouro (Plutão). É o que destaca a personalidade e a identidade (Sol) de Bernardinho. É o modo como ele é reconhecido (Sol).

Beijãozão nocês…
Yub

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *